REVISTA TAE - A gestão da Estação de Tratamento de Água na palma da mão
Edição Nº 42 - abril/maio de 2018 - Ano VII
Esta notícia já foi visualizada 5904 vezes.


A gestão da Estação de Tratamento de Água na palma da mão



por Suzana Sakai

 

Imagine um operador andando pelas estruturas de uma Estação de Tratamento de Água (ETA). Em um determinado momento, ele pega o celular e aponta para um tanque de aeração. Com esse simples gesto, o operador consegue enxergar a concentração de oxigênio dissolvido do tanque. Ele anda mais um pouco e aponta o celular para uma bomba e com isso consegue verificar a frequência que ela está trabalhando, abrir o manual da bomba, entre outras funções. Toda essa tecnologia já existe no mercado e tem inovado e aumentado a eficiência no monitoramento e controle das Estaçõ ...



CONTEÚDO RESTRITO A ASSINANTES


Para continuar a ler o texto na íntegra
é necessário ser assinante do portal


Já sou cadastrado


Assine o portal TAE

Tenha acesso exclusivo a todo conteúdo do site gratuitamente

Publicidade