REVISTA TAE - Como minimizar os desafios do setor de saneamento
Edição Nº 28 - dezembro de 2015/janeiro de 2016 - Ano V
Esta notícia já foi visualizada 6342 vezes.


Como minimizar os desafios do setor de saneamento



por Leandro Moreira

A crise econômica e as discussões em torno do setor de saneamento trazem reflexões sobre um modelo que apresenta déficits e não beneficia de forma plena grande parte da população. De acordo com uma pesquisa divulgada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Unicef, cerca de 2,4 bilhões de habitantes, isto é, uma em cada três pessoas, sofrem à margem de um sistema de saneamento inadequado. Os números expressivos demonstram as deficiências de um setor que precisa de mudanças consistentes para suprir as demandas dos cidadãos.
Muitos são os desafios, no entanto, não existem fórmulas prontas. É preciso identificar as raízes dos problemas, e, uma delas está na falta de integração d ...



CONTEÚDO RESTRITO A ASSINANTES


Para continuar a ler o texto na íntegra
é necessário ser assinante do portal


Já sou cadastrado


Assine o portal TAE

Tenha acesso exclusivo a todo conteúdo do site gratuitamente

Publicidade