REVISTA TAE - Para professor da Universidade de Columbia universalizar o saneamento é desafio coletivo

Esta notícia já foi visualizada 140 vezes.

Para professor da Universidade de Columbia universalizar o saneamento é desafio coletivo

Data:18/05/2017- Fonte:Sanepar

Kartik Chandran esteve na Sanepar para ministrar palestra sobre as novas tecnologias de tratamento da água

Reconhecido mundialmente como uma referência na área de engenharia ambiental, o professor e pesquisador Kartik Chandran, da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, esteve na Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) para ministrar palestra sobre as novas tecnologias de tratamento da água.

Kartik falou das oportunidades que as tecnologias de ponta apresentam para o saneamento, incluindo o reúso de água e eficiência energética. O especialista contou sobre seu histórico de trabalho, o projeto de mudança de paradigmas do saneamento, levado a cabo por ele e sua equipe no Departamento Engenharia Ambiental em Columbia, as experiências mundiais de parceria em relação ao saneamento e as atividades dos laboratórios daquela universidade.

Para Kartik, os centros urbanos representam grandes desafios em diversas áreas na atualidade, inclusive no saneamento. “Sabemos que 70% da população mundial vive nas cidades hoje em dia. Para atender com saneamento a todos, temos desafios próprios do saneamento, como também temos aqueles ligados à energia, ao desenvolvimento de soluções tecnológicas adequadas, à existência de vontade política e ao entendimento de que este é um desafio coletivo e não individual”, disse o professor em sua palestra.

No mesmo evento, a diretora de Programação do Columbia Global Centers do Rio de Janeiro, Daniella Diniz, também fez uma apresentação sobre os projetos da Universidade no Brasil - a sua instituição é braço da Universidade de Columbia em todo país. Segundo ela, há interesse da instituição em firmar parceria técnica com a Sanepar.

“Estamos buscando conhecer as expectativas de ambas as instituições, uma sobre a outra, para alinhar o possível desenvolvimento de uma parceria e ter um ponto da Columbia aqui em Curitiba. Nossa rede de colaboração em todo mundo está pautada no desenvolvimento de atividades com retorno real para a comunidade brasileira e atuação direta do corpo docente e dos alunos da Columbia”, disse.

Para o diretor de Meio Ambiente da Sanepar, Glauco Requião, que abriu o evento, a aproximação com universidades e instituições de pesquisa é muito importante para a Sanepar. “A Universidade de Columbia é uma das mais importantes referências mundiais como centro de pesquisa e, na área de saneamento, possui uma grande produção de conhecimento com aplicação junto a outras empresas do setor. Essa experiência pode auxiliar a Sanepar em seu trabalho constante no desenvolvimento de tecnologias sustentáveis em seus processos”, afirma.

A palestra foi realizada no Centro de Tecnologias Sustentáveis da Sanepar (CETS), em Curitiba, no Tarumã (Rua Engenheiro Antônio Batista Ribas, 151).

PARCERIAS – A Sanepar possui atualmente 12 cooperações técnicas internacionais e 20 cooperações técnicas nacionais, que atuam junto do corpo técnico de pesquisadores da empresa na investigação de melhorias dos processos de saneamento. “Juntos, os pesquisadores da Sanepar já desenvolveram mais de 100 projetos ou assessorias técnicas, escreveram 50 publicações técnico-científicas e desenvolveram 43 produtos”, conta o gerente da área de pesquisa da Sanepar, Gustavo Possetti.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade